Oi gente chic, bom dia!!

Escrevi esse artigo para o Jornal Cristão e gostaria de compartilhar com vocês, espero que gostem!!

Foi-se o tempo em que ser crente era sinônimo de ser cafona, de usar uma roupa sem forma e sem estilo. Hoje a indústria da moda evangélica está muito atenta as tendências e cada vez mais, está alcançando as mulheres evangélicas e também outras mulheres que se encantam com o estilo elegante e recatado desse nicho.

Devido as doutrinas das igrejas, é preciso ter cautela para acertar no estilo da moda para as mulheres evangélicas. Deve-se respeitar as diretrizes sem deixar de lado as tendências. A quantidade de fieis nas igrejas vem crescendo assustadoramente e quando temos demanda, temos mais ofertas e com isso quem ganha somos nós, pois a cada dia vemos mais marcas evangélicas fazendo roupas lindas e cheias de glamour.

Acima de qualquer modelo de roupa, nós precisamos passar uma imagem cristã, uma imagem de mulheres de Deus e para isso é preciso muito além de tendência, é preciso de decência. Roupas que valorizem uma mulher, sem a intenção de provocar olhares de desejo e cobiça, mas sim olhares de apreciação pela luz que carregamos.

Renata Castanheira

Gostou? Compartilha com as amigas!
por //

8 comments on “Moda Evangélica por Renata Castanheira”

  1. Adorei o texto, é isso mesmo. É o que mais nós estávamos precisando.
    Eu compro em uma loja da minha prima/ Via Caruso, Zunna Ribeiro, Titanium, Morena Rosa e tem algumas outras marcas que não me lembro. Adoro é só moda evangélica.

  2. Boa tarde! Sou evangélica e achei o máximo ter essa opção tão inovada, sem contar que sou Educadora Social e preciso ir trabalhar vestida decentemente. além de comprar, gostaria de poder revender pra minhas amigas, irmãs de igrejas e parentes também. Mais preciso de algumas informações Bjs
    .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *